jump to navigation

Sacolas Ecológicas Plastificadas? 18/01/2010

Posted by indylua in Sem categoria.
Tags: ,
1 comment so far

Numa bela manhã de domingo, lá fui eu com minha mãe comprar algumas coisinhas no Supermercado Sonda. Ao sair de casa, depois de meses pegando no seu pé (rs), ela logo se lembrou de carregar sua bela

sacola “confeccionada em plástico reciclado e reciclável – versão Sondinha aventura na selva” – fonte:  site do Sonda. Porém, contudo, entretanto e todavia, ao entrar no supermercado, nos deparamos com a situação nada (eco)lógica de sermos obrigadas a guardar nossa bela sacola retornável – comprada (pois nem mesmo de brinde eles a deram) naquele mesmo supermercado – num baita saco plástico!!!

Nem preciso dizer que fiquei indignada. Então, resolvi tomar a seguinte atitude: mandei um email para o SAC do Sonda e também do Carrefour, no qual já havia me acontecido isso também no ano passado. Ainda aguardo um retorno, não faço idéia no que isso vai dar, mas fica aqui a sugestão para ser apropriada por quem mais se sentir revoltada/o como eu… O importante é se MANIFESTAR!!!

Olá!

Gostaria de registrar a minha enorme indignação quando ao tentar entrar no Supermercado X (loja ….) com a minha sacola ecológica, me deparei com uma enorme contradição nada (eco) lógica: um rapaz muito simpático me pediu para que colocasse a minha bela sacola – vendida por este mesmo supermercado(às vezes) – num enorme saco de PLÁSTICO! Confesso que não acreditei no que estava acontecendo e tentei dialogar com o rapaz, o que foi em vão, pois obviamente ele estava apenas cumprindo ordens superiores. Como não estava com muito tempo pra tentar falar pessoalmente com os superiores, dei meia volta, fui em outro mercado que não impediu a minha entrada com a sacola livremente e resolvi registrar a minha indignação e total desaprovação a este ato estúpido por email mesmo.

Solicito que os responsáveis pelo famoso “compromisso socioambiental” deste tão renomado supermercado, revejam seus conceitos e seus discursos, pois esta situação ridícula relatada por mim, se repete todos os dias e milhões de sacos plásticos – que não podem ser reutilizados pois o lacre (adesivo, ou seja, não reciclável) só nos dá a opção de rasgá-lo e não vão sequer para a reciclagem – são desnecessariamente utilizados por consumidoras/es, sendo alguns conscientes e verdadeiramente comprometidos com o meio ambiente como eu, que carregam suas próprias sacolas!

Por fim, tenho duas simples sugestões: – criação de guarda volumes ou a simples colocação de uma lacre desses que apitam quando passam pela porta de saída, que seria retirado no próprio caixa ao passar as compras.

Espero que meu relato seja ao menos lido por vocês e que sinceramente repensem sobre a idéia de responsabilidade “socioambiental” que vocês vendem junto com suas mercadorias!

Grata

SONDA – http://www.sonda.com.br/contato.php

CARREFOUR – http://www.euusoacuca.com.br/?pagina=sac.php

Anúncios

Criancinhas… 09/11/2009

Posted by Marco Macarena in Sem categoria.
Tags: , , , ,
4 comments

Estou escrevendo este post em resposta, ou em continuação, ou comentário, sei lá o que, deste outro post do meu querido amigo Cidão: http://hablandomas.blogspot.com/2009/11/sou-da-geracao-do-tchan-companhia-do.html

Leiam o post linkado, e vejam o vídeo. Ok?

Tb acho absurdo o que as crianças estão fazendo. A questão é: por que?? Porque são crianças?? E se fossem adultos, oq acharíamos??

Há menos de 200 anos, inventamos que crianças são diferentes de adultos, que vivem num mundo diferente, que fazem coisas diferentes e pensam diferente. Será mesmo?? Crianças assistem a mesma TV que os adultos, comem as mesmas coisas que os adultos, usam as mesmas roupas que os adultos, se maquiam como os adultos, etc… A infância foi inventada e, feliz ou infelizmente, está prestes a desaparecer… As roupas femininas cada vez mais ostentam o corpo da mulher, por que??

Um bebê nasce e, dependendo do sexo, estigmatizamos que ele deve usar rosa ou azul, o quarto deve ser de menino ou de menina, forçando a crianças a se identificar-se com um desses dois gêneros. Mas a quem pertence esse gênero, as crianças, ou aos adultos?? Se rosa é coisa do gênero feminino, é também usar mini-saia, maquiagem e decotes. Assim como o gênero masculino utiliza o azul, os carros, a malhação, a agressividade, a virilidade, etc… E qual a relação entre esses dois gêneros?? A resposta é óbvia: SEXO!!

Afinal, homens e mulheres não podem ser amigos, podem?? E creio, ou melhor, eu sei que sim… Mas não é o que a sociedade nos diz. Agora pensemos, por que é que nós, adultos podemos falar, pensar e fazer tudo isso, mas acreditar que crianças fazerem isso é um absurdo.

O que eu quero dizer de tudo isso é que: Não, a mãe não é uma troglodita sem coração por fazer aquilo. A mão está sendo apenas sincera. Sim, sincera, afinal vivemos numa sociedade que, dentre todos os valores plurais que se degladeiam para conquistar as mentes e as condutas das pessoas, essa mãe conseguiu, dentro das suas possibilidades, identificar que, aquilo que ela pode, seu filho ou sua filha também pode, que se a sociedade aceita o sexo como algo natural, aquele sexo que vimos no vídeo, por que ele não pode ser natural para as crianças?

O que precisamos perceber é que, na degladeação de valores que coloquei acima, nossa sociedade é hipócrita, nós somos hipócritas. No mais, se algo ou alguém precisa de reflexão e mudança não é a mãe, ou irmã, ou tia, ou vizinha, ou seja quem for a mulher adulta que estimula as crianças, mas nossa sociedade. Essa mulher, tão quanto as crianças, é vitima de uma crescente disseminação de valores que valorizam o corpo e reduzem as relações sociais aos prazeres do sexo.

Para quem gostou da discussão, assista: “A invenção da Infância

E comente!

abraços